Ensinamos às crianças os princípios do teatro", disse Laura, quem entrou à CommScope em outubro de 2012 como estagiária e depois trabalhou como aprendiz antes de se tornar uma empregada. "Passamos a nossa paixão pelo teatro e todas as artes, e ensinamos-lhes por que é tão gratificante para ir a peças de teatro".
O grupo sem fins lucrativos, chamado Fatti d'Arte, matriculou mais de 100 pessoas, incluindo 60 crianças desde que começou em 2015.
"Nosso objetivo é propagar nossa paixão pelas artes para a maior audiência possível, por isso nossos cursos são muito baratos para torná-lo acessível para qualquer um", disse Laura. Para ela, a organizacao  faz muito mais do que tornar as artes acessíveis a um público maior.
"Isso ajuda muito na vida cotidiana", disse ela. "Cuando somos crianças,  aprendemos a jogar em grupo, como falar na frente do público. Você aprende o princípio de que todo mundo é importante, não importa o papel que você tem na peça. É incrível ver como o teatro ajuda as pessoas a ganhar auto-confiança. "
Quando Zeffiri não está fazendo o trabalho diário para a associação sem fins lucrativos, ela ainda gosta de atuar.  Isso a Transporta-la para outro mundo.
"Você apenas se concentrar em seu personagem, e você nem sequer pensar muito sobre o público na sua frente. Após a peca de teatro, você se sente recompensado por todos os seus esforços. E você vê os resultados de seu trabalho. "
Você é uma estrela, Laura. Continue sendo incrível!

Laura

Começando no ato, Organizações  sem  fim de  lucro  florecem do amor ao  teatro

Cuando Laura Zeffiri tinha apenas  11 anos,  um amigo a convenceu a fazer uma aula de teatro.  A especialista em marketing da CommScope, come sede na Italia, nao tinha idea de como essa experiência jovem iria incedeir sua paixão pelas artes e moldar o resto de sua vida. Ela continuou a atuar em peças locais ao longo de sua infância e adultez jovens. E no ano passado, a jovem de 25 anos, juntamente com um grupo de amigos, co-fundou uma associação cultural que dá às pessoas a oportunidade de se aproximar do teatro e da cultura.

Ensinamos às crianças os princípios do teatro", disse Laura, quem entrou à CommScope em outubro de 2012 como estagiária e depois trabalhou como aprendiz antes de se tornar uma empregada. "Passamos a nossa paixão pelo teatro e todas as artes, e ensinamos-lhes por que é tão gratificante para ir a peças de teatro".
O grupo sem fins lucrativos, chamado Fatti d'Arte, matriculou mais de 100 pessoas, incluindo 60 crianças desde que começou em 2015.
"Nosso objetivo é propagar nossa paixão pelas artes para a maior audiência possível, por isso nossos cursos são muito baratos para torná-lo acessível para qualquer um", disse Laura. Para ela, a organizacao  faz muito mais do que tornar as artes acessíveis a um público maior.
"Isso ajuda muito na vida cotidiana", disse ela. "Cuando somos crianças,  aprendemos a jogar em grupo, como falar na frente do público. Você aprende o princípio de que todo mundo é importante, não importa o papel que você tem na peça. É incrível ver como o teatro ajuda as pessoas a ganhar auto-confiança. "
Quando Zeffiri não está fazendo o trabalho diário para a associação sem fins lucrativos, ela ainda gosta de atuar.  Isso a Transporta-la para outro mundo.
"Você apenas se concentrar em seu personagem, e você nem sequer pensar muito sobre o público na sua frente. Após a peca de teatro, você se sente recompensado por todos os seus esforços. E você vê os resultados de seu trabalho. "
Você é uma estrela, Laura. Continue sendo incrível!